fbpx

Open Insurance, entenda o conceito e seu potencial

Open Insurance, entenda o conceito e seu potencial

25/01/2021 Corretora de Seguros 0
Gráficos na tela

Você já ouviu falar sobre Open Insurance e como este conceito pode ajudar o seu negócio na área e corretora de seguros? Se quer saber mais sobre, continue acompanhando o nosso artigo de hoje.

Open Insurance é um termo emergente na indústria de seguros que refere-se a oferecer serviços e dados a parceiros com o objetivo de construir serviços inovadores e estar um passo à frente do modelo de negócios tradicional.

Em linhas gerais, isso significa disponibilizar os produtos, serviços e funcionalidades de uma empresa para consumo de qualquer outra empresa que esteja precisando da mesma coisa, é claro, de forma segura e com o acordo de todos os envolvidos.

Mas o que significa Open Insurance?

O conceito de Open Insurance foi inspirado e remodelado com base no Open Banking, prática cujo os indivíduos são proprietários de seus respectivos dados bancários, e não as instituições financeiras que possam vir a utilizar para transações, o que permite que o setor financeiro como um todo tenha as informações de cada consumidor.

É um modelo baseado totalmente na integração de negócios através da transformação digital e canais online. Nele, o acesso às soluções tecnológicas inovadoras de uma única empresa, permite que outros negócios do setor reduzam custos e prazos na elaboração de sistemas próprios, ajudando-as a realizar sua jornada de transformação digital e a adequar suas ofertas às novas exigências dos consumidores.

Open Insurance na prática

Renato Terzi, CEO da GR1D Insurance, exemplifica:

Um determinado produto de seguro viagem pode usar uma seguradora para o risco de vida e outra para o risco de perda de bagagens, mais uma empresa de assistência para os serviços emergenciais e assim por diante. Este modelo só é operacionalmente possível pois as empresas adotam um protocolo comum de integração tecnológica, que são as APIs, uma tecnologia que faz com que todas as empresas “falem a mesma língua”.

Com base nos aprendizados do Open Banking, estudos apontam bilhões de dólares em investimento em startups que visam democratizar, digitalizar e desburocratizar estes processos que são utilizados por diversas empresas.

Como é possível integrar e compartilhar dados com segurança?

Atualmente, todo tipo de integração entre parceiros de negócio e corretores de seguros só acontece se ambos compartilharem dados (através do que chamamos de APIs abertas)

Uma API é uma interface de programação que permite que determinado dado da empresa X possa ser acessado e utilizado pela empresa Y sem a necessidade de saber como eles foram implementados. Isso simplifica o desenvolvimento de tecnologias e, consequentemente, gera mais economia de tempo e dinheiro.

É importante ressaltar que tudo isso deve ocorrer de acordo com as leis de proteção de dados de cada região, como a LGPD no Brasil e GDPR na Europa.

Como o Open Insurance impacta no mercado de seguros?

Mesmo com o mercado brasileiro de seguros sendo altamente regulado, essa transformação está inserida cada vez mais no planejamento das empresas do setor, com o objetivo de produzir uma experiência única e mais ágil para seus consumidores.

Neste caminho de mudanças, é muito importante que as empresas e corretores estejam preparados para essas mudanças que são consideradas de extrema importância para o futuro do segmento.

Ao conectarmos as soluções digitais nesta rotina e que se complementam nos negócios, não existirão mais barreiras físicas de comunicação entre clientes e empresas parceiras.

Gostou deste artigo? Confira outros assuntos que abordamos clicando aqui.

Fonte: Revista Apólice.